Aprendizado em kernel mode
Wanderley Caloni, 2008-08-07: sistema operacional

Hoje terminei minha primeira leitura de Memory Dump Analysis Vol. 1, e qual não foi a minha surpresa ao encontrar entre os últimos posts justamente o que eu estava precisando: um guia de livros que se deve ler para começar a programar em kernel mode.

O melhor de tudo nem é a lista de livros, cujos títulos já estão batidos na minha cabeça de tanto meu amigo Ferdinando comentar a respeito. A grande sacada foi ele ter feito um roteiro no estilo “leia esse livro primeiro, depois comece com esse e ao mesmo tempo acompanhe aquele, sempre atento ao Windows Internals”. As coisas não ficam mais fáceis (ler 8 livros, todos com média de 700 páginas), mas pelo menos ficam mais organizadas, tem começo, meio e fim (será?).

Claro, esse é o método Dmitry Vostokov, o que não quer dizer que funciona com qualquer um. No entanto, gosto de suas buscas de padrão, analogias de dumps com o mundo real, abstrações filosóficas e, principalmente, as explicações das telas azuis em UML. Se entendo facilmente essa forma de explicar, é possível que esse método facilite um poucos as coisas não-tão-fáceis de fazer para mim.

Agora só falta começar =).