Alita: Anjo de Combate

Caloni, February 5, 2019

External image

O diretor Robert Rodriguez (Pequenos Espiões) nos garante diversão em várias sequências eletrizantes deste filme-origem que não possui final, como as lutas entre caçadores de recompensa e andróides em um esporte visceral da época. As sequências são rápidas mas conseguimos nos localizar e ainda apreciar vários momentos em que os efeitos visuais atingem seu ápice. Rodriguez nos permite também que nos encantemos em várias cenas dignas de um pôster. E isso de alguma forma me incomoda, pois se eu tivesse um desses pôsters não me lembraria por que essa cena é tão icônica. Talvez porque ela não é. Há cenas esteticamente impecáveis onde podemos ficar horas admirando, mas o motivo delas existirem é meramente publicitário. Alita experimenta seu novo corpo e a vemos em posições de combate que exaltam a beleza da tecnologia gráfica, mas você nunca verá no filme um momento além de lindo, memorável.

Alita: Anjo de Combate ● Alita Anjo De Combate (Canadá, Argentina, EUA, 2019), escrito por James Cameron, Laeta Kalogridis e Robert Rodriguez baseados no mangá de Yukito Kishiro, dirigido por Robert Rodriguez, com Rosa Salazar como Alita, Keean Johnson como Hugo, Christoph Waltz como Dr. Dyson Ido, Jennifer Connelly como Dra. Chiren, Mahershala Ali como Vector. ● Nota: 3/5. Categoria: movies. Visto em cabine de imprensa pelo cinemaqui. Publicado em 2019-02-05. Texto escrito por Caloni. O texto de estreia será publicado no CinemAqui. Quer comentar?