Os Fantasmas de Scrooge

Caloni, March 21, 2011

External image

Jim Carrey em Motion Capture é, em poucas palavras, inusitadamente fabuloso. O trabalho feito em seu personagem, protagonista do clássico conto de Charles Dickens, que se mantém homônimo no título original, é, de longe, um trabalho rebuscado tanto nas expressões quanto nos movimentos do boneco através dos cenários igualmente trabalhados à exaustão.

Portanto, é uma pena que o aspecto estético desse tipo de filme ainda peque pela estranheza que gera ao vermos figuras humanas não exatamente reais, e tão pouco virtuais. E apesar de ter havido uma evolução considerável desde o último trabalho utilizando essa técnica (O Expresso Polar), em nada se compara ao uso legítimo e otimizado em Avatar, facilitado por usar criaturas da imaginação.

Para os fãs do livro, a caracterização das cenas não perde em nada no aspecto descritivo. Porém, a noção que temos de Scrooge no original é de que ele é uma pessoa muito mais maldosa e mesquinha, o que não transparece na interpretação de Carrey justamente pelo filme ter um teor e um foco maior no público infantil e familiar.

É uma pena, porém, que as cenas do primeiro espírito sejam sufocadas pelo final romantizado e simplificado.

Os Fantasmas de Scrooge ● Os Fantasmas de Scrooge. A Christmas Carol (USA, 2009). Dirigido por Robert Zemeckis. Escrito por Charles Dickens, Robert Zemeckis. Com Jim Carrey, Steve Valentine, Daryl Sabara, Sage Ryan, Amber Gainey Meade, Ryan Ochoa, Bobbi Page, Ron Bottitta, Sammi Hanratty. ● Nota: 4/5. Categoria: movies. Publicado em 2011-03-21. Texto escrito por Caloni. Quer comentar?