50 Tons de Preto

Wanderley Caloni, escrito para Cinemaqui, 2016-02-19.

50 Tons de Preto é a maneira mais eficiente de criticar o sexismo de seu primo que deveria ser levado a sério, 50 Tons de Cinza. Ele é uma paródia. Usa a mesma história do original e se aproveita de sua mediocridade para fazer comédia. De quebra, é um rodízio de comentários que, inspirados ou não, tentam ridicularizar uma situação que já é ridícula na fonte, mas embora possa soar redundante, não é.
draft movies cinemaqui discuss