A Possessão do Mal

2015-10-01

Este ainda é um rascunho publicado prematuramente e está sujeito a mudanças substanciais.

Você já conhece a história: câmeras espalhadas pela casa; acontecimentos estranhos que vão aumentando a cada noite; os especialistas na arte de se comunicar com espíritos. Você até já conhece suas variantes: a família feliz com um final trágico; o cético que precisa de provas concretas de que algo está errado; os jump scares que agora usam a câmera subjetiva para assustar. Ainda assim, o trabalho do diretor estreante David Jung merece seus créditos por pegar todas as fórmulas batidas dessa geração de terror e construir algo minimamente coeso e, com um pouco de sorte, que assuste a noite da maioria dos espectadores.

A crítica completa foi escrita para o site CinemAqui. Você deve encontrá-la pesquisando por lá.

link cinema draft movies cinemaqui