A Vida Invisível

Este é um rascunho e está sujeito a mudanças.

A Vida Invisível é um retrato tão fiel e acolhedor de um Brasil patriarcal que em alguns momentos ele corre o risco de estar fazendo apologia, simplesmente por recorrer às nossas memórias afetivas e culturais de uma época, e memórias não funcionam em termos de boas ou ruins. Todas elas são uma mistura só, e o filme de Karim Aïnouz demonstra isso com elegância e sem discurso fácil. A Direção de Arte de Rodrigo Martirena materializa esta época de duas gerações atrás, nos transporta para ela através de uma série de sensações afetivas com nosso passado.
draft movies cinemaqui