Colorado Vs Bierland

Aos poucos fui desistindo de fazer review de cervejas. Cerveja é cerveja. Não é uma bebida para pensar muito. As tentativas de gourmetizá-la apenas trouxeram à tona as limitações artísticas da bebida.

As cervejarias são outra história. Competindo pelo consumidor fiel elas criam identidades no visual e no paladar. Seja proposital ou não, todas as cervejas de uma cervejaria vão fazer você lembrar de sua origem. Se não for assim a cerveja fracassa como mercado. Como ideologia.

Provei vários rótulos da Bierland, uma cervejaria de Blumenau que recentemente tomou o caminho contrário das choperias artesanais e investiu na venda de latinhas, praticamente aposentando as serpentinas. O motivo não ficou muito claro quando conversamos com a atendente do depósito onde se vendem caixas e mais caixas de latinhas. Ela comentou algo sobre ser um negócio caro e arriscado para consumidores fora da cidade, que muitas vezes sumiam com os barris de chope. Que babado...

Tudo bem. A vantagem da latinha é ser prática, segura e barata. Comparável com cervejas "premium" da AmBev em preço.

Levei pelo menos uma de cada. Experimentei o suficiente para concluir que o forte da Bierland é fazer cervejas equilibradas. Todas elas não me deram nenhuma sensação no paladar de ser um soco no estômago ou ter aspectos olfativos rebuscados. É cerveja bem feita e que não quer chamar a atenção pra si própria.

Quer um exemplo completamente oposto? A Colorado. Essa uma vez artesanal e pequena cervejaria de Ribeirão Preto se tornou a queridinha da indústria e começou a vender que nem água. A pegada de suas cervejas é chamar atenção. É aquele aroma inebriante de lúpulo francês, o soco no estômago da Vixnu. Nem a Pilsen deles consegue ficar quieta no copo. É a famosa explosão de sabores. E muito boa também.

Se um dia estiver interessado em descobrir a diferença entre cervejarias no lugar de cervejas compre uma IPA, uma stout e uma lagger desses dois lugares e compare. Vai entender o que estou dizendo. A cerveja do urso é uma vitrine para ser elogiada e lembrada. A cerveja da lojinha de beira de rodovia é cerveja alemã: para ser bebida com moderação e apreciação.

Wanderley Caloni, 2021-07-24 22:26:41 -0300

reviews draft beer discuss