Como converter qualquer projeto antigo do Visual Studio em CMake

Aproveita esse pedaço abaixo de CMakeLists.txt como colinha e cria na pasta do seu projeto.

cmake_minimum_required(VERSION 3.16)
project (meu_projeto)
add_executable(meu_projeto

Lista os arquivos de extensão .cpp e joga a listagem no final do CMakeLists.txt. Por fim adiciona o fecha-parênteses que está faltando.

dir /b *.cpp >> CMakeLists.txt
echo ) >> CMakeLists.txt

Pronto. Se seu projeto não tem dependências externas é só compilar.

mkdir build && cd build
cmake ..
cmake --build .

Os erros mais comuns a partir daí são erros de inclusão e linkedição. Para os erros de inclusão use comandos no CMakeLists.txt como target_include_directories. Para os erros de linkedição use os comandos target_link_libraries para incluir as libs e target_link_directories para dizer que em pasta estão. Você deve encontrar essas informações no projeto original do Visual Studio.

Em geral é melhor seguir esse passo-a-passo de como gerar um projeto limpo em vez de tentar converter. Se houver algum truque na solução Visual Studio ela deverá ser portada de maneira mais documentada e pronta para portabilidade. Com o CMake você não terá mais que se preocupar com qual versão do Visual Studio irá trabalhar, e quando migrar basta instalar ou apontar a versão correta (direto no comando cmake).

A tempo: trate os arquivos da solução do Visual Studio gerados pelo cmake como temporários. Não use controle de fonte em cima deles. Isso o ajudará a manter a base do seu projeto apenas nos arquivos CMakeLists.txt.

Wanderley Caloni, 2022-07-12 21:02:54 -0300

code discuss