Como ter um melhor blogue em 2008

Não é exatamente uma receita de bolo, tampouco uma lista de regras imutáveis. Na verdade, apenas algumas dicas que o criador do termo (we)blog deu sobre como ele imagina que os blogueiros deveriam se comportar em relação aos seus blogues. Entre os toques, ele inicialmente comenta que o princípio de um weblog é ser um histórico dos sítios que navegamos, e que eventualmente podemos publicar conteúdo original. Bem, esse humilde blogue faz exatamente o oposto, acreditando que o conteúdo publicado aqui em português dificilmente será encontrado na web, além de que me sinto um inútil se não colaborar com o mundo usando o conhecimento que aprendi e aprendo no dia-a-dia.

Por isso mesmo, aqui vão as dicas traduzidas, que encontrei no blogue de Lino Resende, verbatim (com meus comentários ao final de cada item):

  1. Um blog verdadeiro é um log de todos os sítios que você gostaria de salvar ou dividir.
  1. Você pode, é claro, colocar links sobre você fora do seu blog, mas se o blog tem mais posts originais do que links, recomendo aprender um pouco de humildade.
  1. Se fizer uma pequena procura antes de postar, vai descobrir que alguém já falou do seu assunto e melhor do que você.
  1. Seja você mesmo, sem suprimir links que não o tratem favoravelmente. Seus leitores querem saber quem efetivamente você é.
  1. Você pode melhorar o título das páginas que sugere quando as descrever e dar o link. Assegure-se de sua descrição fará os leitores se lembrarem dela, reconhecendo páginas que já visitaram ou quando a visitarem novamente.
  1. Use sempre algum adjetivo para descrever sua própria reação à página que recomenda (ótima, imaginativa, clara, útil).
  1. Dê os créditos à fonte que você usou. Assim, seus leitores podem conferi-la e "moverem-se para cima".
  1. Cuidado com os problemas de formatação estranha, múltiplas páginas com histórias, textos muito longos, etc. Não esconda o link principal entre outros auxiliares, mal identificados ou pobres.
  1. Escolha alguns autores favoritos ou celebridades e crie um feed no Google News, acompanhando novas menções a eles. Assim, outros fãs podem segui-los através do seu blog.
  1. Reindique seus links favoritos de tempos em tempos para quem os perdeu, esquece ou o está lendo pela primeira vez.

É isso. Concorda, discorda, sem corda? Imagino que a dica que mais me afetou foi aquela sobre humildade, lá no começo. Digo isso porque ainda está martelando na minha cabeça, pronta para transformar este blogue em algo mais democrático e transparente.

Wanderley Caloni, 2008-01-08 00:00:00 +0000

blog discuss