E Aí, Meu Irmão, Cadê Você?

2020-04-07 · 1 · 207

Este ainda é um rascunho publicado prematuramente e está sujeito a mudanças substanciais.

Irmãos Coen e seu amor pelo folclore americano. E suas músicas. É época da Depressão e eles unem com a Odisseia de Ulisses e várias músicas de época.

George Clooney diverte, mas ele está em muito melhor companhia pelos coadjuvantes. Especialmente o alívio cômico. Há várias participações especiais, e uma das melhores é do dono da gravadora, e o pior de John Goodman. Essas pessoas vivem caricaturas marcantes e criam momentos memoráveis em segundos. Fica na nossa memória onde estão várias cenas dos filmes dos Coen.

A seleção musical tem alguns clássicos muito bem cantada, com destaque para a principal, que faz os “Sonny Boys” famosos em vários estados. Lembra o que eles, os diretores, farão em Inside Llewyn Davis.

Algo que incomoda o filme inteiro é essa fotografia a cores drenada de toda cor. Como um livro amarelado que existe na imaginação humana coletiva das aventuras fantásticas. Não é preciso ser letrado para entender a mensagem, que é fácil porque é profunda.

Mas da metade para o final fica claro que eles não amarraram bem toda a trama. Alguns momentos soam gratuitos, como a disputa eleitoral e a KKK. A mensagem se perde, e o humor tão bem dosado soa exagerado e sem sentido no final.

O Brother, Where Art Thou? (United Kingdom, France, United States, 2000). Dirigido por Joel Coen, Ethan Coen. Escrito por Homer, Ethan Coen, Joel Coen. Com George Clooney, John Turturro, Tim Blake Nelson, John Goodman, Holly Hunter, Chris Thomas King. · IMDB · Letterboxd · More Details · cinema · draft · movies · Twitter ·