Fome

Wanderley Caloni, escrito para Cinemaqui, 2016-07-28.

Fome é um filme lento e arrastado, com seu lado amadorístico, com uma direção/edição que parece se apaixonar pela forma e não sabe a hora de cortar. Com a falta de ritmo em vários momentos, e um contraste curioso entre ficção e realidade, pode-se enxergar com clareza que este não é um trabalho para qualquer um, por exigir paciência e determinação em decifrá-lo. Ao mesmo tempo, ele permite diferentes interpretações, das mais simples às mais complexas; tudo depende de como se enxerga os objetivos de algumas decisões narrativas e estéticas da história.
draft movies cinemaqui discuss