Má Educação

Esse foi um dos primeiros filmes que a Mitiko me levou para ver na região da Augusta, no coração sujo de São Paulo. Ela parecia querer me testar com este filme de Pedro Almodóvar que, como todos seus filmes, trata os gays como gente. No entanto, este tema é apenas circunstancial em uma trama construída com um roteiro soberbo, cheio de artimanha, que vai e volta no tempo e na ficção. Ele lida com abuso sexual, com co-dependências amorosas esdrúxulas e incidentais. Os travestis e os cineastas são mais uma vez o centro das atenções em um filme que certamente irá lidar com morte e paixão de uma maneira específica demais para você ignorar. Não é profundo, mas é entretenimento de primeira. Garcia Bernal é o camaleão que nem ele parece acreditar que é. Em espanhol e muitas, muitas cores. Mas é um dos filmes mais sóbrios do diretor, que estava nessa década migrando da novela para o thriller psicológico, mas ainda cartunesco.

Wanderley Caloni, 2022-02-22 21:29:45 -0300

reviews movies discuss