My First Girlfriend is a Gal

Wanderley Caloni, 2020-10-04

Não tire conclusões precipitadas. Gal é a transliteração de gyaru, do inglês girl, ou garota, mas não é apenas sobre garotas que este título fala. As Gals do anime são garotas que seguem o modelo exagerado (do ponto de vista japonês) com que as garotas se produzem. E a Gal que este virjão começa a namorar na série dá a exata noção de o quão distante ele estaria na vida real de uma mulher dessas. Felizmente ele é um personagem de anime.

As piadas de seu grupo de amigos é muito próxima de um grupo de amigos virgens (e você já teve um): mulheres de revistas, objetivos bem definidos (transar) e nenhum plano de ação minimamente executável. My First Girlfriend is a Gal é uma viagem cotidiana dentro desse universo, com uma pegada menos infantil e mais adolescente, mais próximo de "Nerds" ou qualquer outro filme americano sobre garotos inaptos tentando conquistar garotas. Pode ser um porre eventualmente, mas possui lá suas tiradas. Como um ex-virjão eu curti.

Uma curiosidade interessante sobre os tempos atuais (este anime é de 2020): essa série tem um personagem que é um pedófilo declarado, e faz declarações, em companhia de amigos e garotas, no mínimo constrangedoras, como "meninas do pré-fundamental são as melhores". Frequentemente quando seus amigos comentam sobre essa ou aquela garota ele se sente desanimado por elas serem muito velhas (todos os personagens giram em torno dos 15 aos 18 anos). Ele arruma um trampo de verão em uma creche onde bate papo com menininhas nas cenas em que é visto, e em um episódio onde todos vão para a praia, ele fica se deliciando ao ver crianças pré-puberdade de biquini.

animes animation miniviews