O Grito: Origens

2020-07-20

Assim como o original, falado em japonês, o que é um plus, mas ele é muito comum e seu tom inusitado é revelador demais. Não queremos este mistério desvendado, queremos levar sustos. A série de streaming leva tudo a sério e faz perder parte do que nos fazia gostar de O Grito: o gore, o trash e a falta de uma estética de terror que seja esquecível. Exceto seu grito do título, claro. Infelizmente a estética aqui é bem feita, com tons de cores dramáticas e personagens que tentam soar realistas e com peso. E quem quer se divertir sai frustrado. Aguardando um terror mal feito caímos no conto dos direitos comprados e reenlatados em um trabalho dramático que se perde em meio aos milhões disponíveis ao toque de um botão.

link cinema series