Terceiro encontro C++

2008-01-22 · 3 · 522

Este ainda é um rascunho publicado prematuramente e está sujeito a mudanças substanciais.

Nesse último sábado aconteceu, como previsto, o terceiro encontro de usuários/programadores C++. Foi um sucesso bem maior que o esperado, pelo menos por mim e pelas pessoas com quem conversei. A organização foi fantástica, e o patrocínio muito importante, o que deu abertura para pensamentos mais ousados sobre o futuro de C++ no Brasil. Foi gerada uma lista de resoluções para o futuro (que começa hoje), onde pretendemos, inclusive, fazer reuniões no mesmo estilo trimestralmente.

Aqui segue um breve relato sobre as palestras que ocorreram no evento.

Inicialmente o palestrante focou o ponto muito pertinente da visão comercial do uso de um framework multiplataforma que possa rodar nos três sistemas operacionais mais usados no Brasil: Windows, Linux e MacOS. É um fato que programadores precisam se alimentar e alimentar seus filhos, então essa questão pode ser interessante para aqueles que precisam expandir seus mercados.

Como sempre deve rolar, houve demonstração por código de como um programa wxWidgets é estruturado. Basicamente temos inúmeras macros e um ambiente controlado por eventos, da mesma maneira que MFC e outros frameworks famosos.

Para mim foi uma imensa vantagem e economia de tempo ter assistido à palestra, já que faz um tempo que eu tento dar uma olhada nessa biblioteca. Para quem também gostou da idéia, dê uma olhada nos tutoriais disponíveis do sítio do projeto.

Para quem achava que as palestras iriam ser superficiais no quesito linguagem deve ter ficado espantado com o nível de abstração, formalidade e profundidade com que foi tratado o assunto das novas características da linguagem C++ que serão aprovadas pelo novo padrão e que irão tornar a programação genérica muito mais produtiva e eficiente.

O foco do palestrante foi no mais importante: quais os problemas que as novas mudanças irão resolver, e de que modo a linguagem irá se tornar mais poderosa para suportar programação genérica, paradigma que, de acordo com o debate que houve após a apresentação, ainda é muito novo, mas que poderá se tornar futuramente uma base sólida de programas mais simples de serem mantidos e especializados.

Para quem se interessou pelo tema e pretende estudar um pouco mais sobre as novidades na linguagem, aqui vão alguns links:

  • Proposed Wording for Variadic Templates
  • Proposed Wording for RValue Reference
  • Specifying C++ Concepts
  • O sítio do comitê dos padrões C++

O foco principal desse tema foi dividido entre a interface, óbvia, para suportar programas multithreading em C++, incluindo abstrações de sincronismo e variáveis de condição, e a mudança significativa no padrão para definir um modelo de memória consistente com programas multithreading, a grande vantagem dessa biblioteca ter sido votada, pois tendo as bases para o que eles estão chamando de “execução consistente”, a interface é mera conseqüência.

Durante a apresentação foi mostrado um exemplo de uso das classes thread e mutex. O código foi melhorado (mas não completado). Ao final da palestra, fiquei devendo os links. Bem, aqui estão eles:

  • ISO C++ Strategic Plan for Multithreading
  • Thoughts on a Thread Library for C++
  • A Memory Model for C++: Strawman Proposal
  • Multi-threading Library for Standard C++

Para ver mais

  • Segue o álbum de fotos disponibilizado pelo Alberto Fabiano, organizador-mor do evento.
· blog · draft · ccppbr · Twitter ·