The Boys

Wanderley Caloni, 2020-09-29

Quando você assiste uma série com quase uma hora o episódio você espera o mínimo de profundidade. Mas todos moram na mesma vizinhança em The Boys, e isso me entedia em uma série com heróis inseridos em uma realidade Watchmen em uma fase mais trumpiana, menos pesada que Nixon (ou como Watchmen entendia esse período da história americana). O cinismo e mal-caratismo também faz parte do pacote do que significa ser um herói nesta realidade, que envolve ser uma celebridade acima de tudo, mas por detrás das câmeras um político. Quando um deles mata uma cidadã inocente por estar passando em velocidade super-sônica isso desencadeia a aparição de todos os personagens que veremos na série, que se conectam logo no primeiro episódio, como deve ser, mas de maneira preguiçosa, como só o streaming faz por você. Porque todos moram na mesma rua e podem se encontrar casualmente no Personal Central Park da vizinhança. Até Homem-Aranha e sua Nova-York bairrista soa mais realista. Não sei, estou rimando hoje.

blog series miniviews