Um Natal Muito Muito Louco

Tim Allen, de Meu Papai é Noel (1 e 2), em mais um filme de natal, dessa vez com Jamie Lee Curtis (True Lies) e roteiro de, quem diria, Chris Columbus! (Os Goonies, Gremlins, Nove Meses)

A ideia principal é resgatar o senso de comunidade que o Natal propicia, só que o filme começa ao contrário, mostrando a pressão que essa mesma comunidade faz para que todos levem a sério essa época do ano, não sendo permitido sob as suas leis, mudar isso para, por exemplo, tirar umas férias em um lugar mais quente.

Porém, quando um plot twist esmagador ocorre praticamente no terceiro ato da história, é a partir daí que é construído esse senso de comunidade.

Wanderley Caloni, 2011-12-25

movies discuss